28
Jun 09
publicado por Ruben Alves, às 21:02link do post | comentar | ver comentários (2)

 

Mais um caso de violência de claques, segundo em dois dias.

 

Propietária do café em Lagoa (à Agência Lusa):

 

«Os elementos da claque do F.C. Porto entraram no estabelecimento e começaram a partir tudo, sem mais, nem menos»

 

«Partiram tudo, mesas, cadeiras, arracaram o extintor e agrediram um jovem que estava na esplanada».

 

 

Fernando Madureira, líder dos Super Dragões:

 

«Reagimos aos insultos de dois ou três jovens que estavam na esplanada com camisolas dos No Name Boys»

 

1ª consideração: Então estão três jovens com camisolas dos No Name Boys, e vem muito ordeiramente com certeza a passar a claque Super Dragões. E esse grupo de jovens vão provocar um grupo 7 vezes mais maior. Epah, não me parece!

 

2ª consideração: Mesmo que fosse verdade seria justificação para a violência utilizada, para com os jovens e principalmente para o património da pobre senhora? Epah, não me parece!

 

3ª consideração: Estão estas amostras de gente depois da destruição do café, não são detidos, sendo apenas identificados e pior, foram autorizados a assistir ao jogo de andebol para o quais se dirigiam,

 

Conclusão: Compensa ser vândalo em Portugal, principalmente se pertencerem a um certo clube. E ainda vem o líder da manada, disparar baboseiras para a imprensa, pensando que manda areia para os olhos das pessoas, não fazendo nada mais do que mostrar aquela mentalidade pré-histórica a que nos habituaram estas figurinhas de gente!


mais sobre mim
Janeiro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


arquivos
pesquisar neste blog
 
blogs SAPO